segunda-feira, 14 de março de 2011

Um lindo dia a todos que chegam em nosso cantinho


OS OUTROS 
"Perguntou-lhe Natanael: De Nazaré pode sair alguma coisa boa ?" - João, cap.1 - v.46
 
Não menosprezemos ninguém, pois em nada somos melhores do que ninguém.
Para realmente começarmos a sair de nossa mediocridade, convençamo-nos de
nossa insignificância.
Quem menospreza os outros, perseguindo e humilhando, adoece o próprio espírito - e
adoece gravemente !
Saúde mental é paz, e não há quem a possua sonegando oportunidade de ser feliz
aos semelhantes.
A doença que enche os consultórios psiquiátricos é ocasionada pelo remorso de se ter
sido injusto e ingrato, nesta ou em vidas pregressas.
Estendamos a mão e auxiliemos o crescimento do próximo.
Interessemo-nos por quem se encontra nas últimas fileiras e não temamos apagar-nos
para que outros brilhem.
Esqueçamo-nos desta questão do "eu primeiro", sobre tudo e sobre todos.
99% dos que adoecem mentalmente não se importam com o próximo. Nunca se ouviu
falar de um caso de perturbação consumada de quem estivesse empenhando-se no bem.
Ninguém sucumbe por verdadeiramente amar !
Ao contrário, o amor é abençoado cajado que levanta a quem se encontra no chão...
Não olhemos o próximo pelo que ele aparenta - nem pela cor de sua pele, pele sua crença
ou condição social.
De Nazaré, de onde nada de bom se esperava, é que Jesus saiu, e é possível que de onde
e de quem menos esperarmos a nossa bênção virá !
 
   (Obra: Saúde Mental À Luz do Evangelho - Carlos A. Baccelli / Inácio Ferreira)
 
 
******
 
Não descreiam dessa assertiva ! Os conceitos e as práticas se renovam celeremente.
Descerra-se um horizonte novo e belo, educativo e libertador ante os olhos de quantos
tenham olhos de ver e ouvidos de ouvir...
 
    Da amante do bem e servidora do Cristo,
 
    Maria Modesto Cravo - 1º de janeiro de 2005.
 
   (Obra: Lírios de Esperança - Wanderley S.de Oliveira / Ermance Dufaux)